Uma nova experiência vem aí para um grupo de alunos anchietanos que vai participar dos programas de intercâmbio para o Chile e México, dentro da perspectiva da cidadania global, uma proposta para a formação integral. Afim de ajudar pais e alunos a se prepararem para as viagens e para receber os intercambistas que vêm pra cá, quem já vivenciou a experiência compartilhou dicas com os demais.

Os intercâmbios para Santiago e Antofagasta, no Chile, e Tampico, no México, estão previstos de 16 de agosto a 16 de setembro. Já o período em que os intercambistas vêm desses lugares para as residências das famílias anchietanas está previsto para 28 de setembro a 28 de outubro.

A professora Graciela Natalia Nuevo irá acompanhar os alunos que irão para o Chile, enquanto o Coordenador de Pastoral do Colégio Anchieta, Pe. Gustavo Assis, seguirá com outra turma para o México. Os dois estiveram reunidos com o grupo para repassar detalhes da viagem.

Carla da Silva Calvete, mãe do aluno Diogo Calvete Tavares, da turma 202, contou como foi a experiência com o filho e os principais desafios de receber um intercambista em sua casa. “Ficamos com o coração apertado, mas foram muito afetivos com o Diogo. Lá ele andava sozinho pela rua, a comida era diferente, tudo diferente. Mas ele teve de passar pela experiência e voltou outra pessoa. Em relação aos intercambistas, é importante estar muito disponível para eles”,

O Coordenador de Unidade de Ensino do 6º Ano ao Ensino Médio, Cleiton Gretzler, explicou como funcionou o processo de seleção para participar do programa, cujo edital foi aberto para que todos os alunos da 1ª e 2ª Série do Ensino Médio pudessem participar. “Nós como Colégio Anchieta estamos propondo essa experiência de troca a todos vocês, não só aos alunos”, explicou.

No próximo domingo, um grupo de alunos viaja com o Orientador Religioso Clovis Lasta para Nova York para participar do intercâmbio na Universidade Jesuíta Fordham, um programa pensado pela RJE para todos os colégios jesuítas do Brasil.